Cosméticos veganos: quais são as diferenças entre produtos veganos, orgânicos e naturais

A atenção ao conteúdo real dos cosméticos que usamos todos os dias vem crescendo nos últimos anos. Há indicativos de que o mercado mundial de maquiagem e demais cosméticos veganos, por exemplo, atingirá 26,16 bilhões de dólares até 2030.

E o Brasil, para a nossa alegria, é o número 1 da América Latina quando se trata desse tipo de produto. De uns tempos para cá, tem se observado uma busca crescente por cosméticos orgânicos e naturais por aqui. O mercado brasileiro de orgânicos já movimenta cerca de 3 bilhões de reais por ano.

Isso acontece, claro, porque há uma maior conscientização por parte dos consumidores tanto para os problemas ambientais quanto para as consequências em relação ao que usamos e seus efeitos sobre nosso organismo.

cosméticos veganos
Freepik

Conforme dados da Sociedade Vegetariana Brasileira, cerca de 3 mil produtos já foram contemplados com o “Selo Vegano” gerado pela instituição. Grande parte das marcas certificadas são do setor alimentício, mas também há produtos cosméticos, de higiene pessoal, suplementos alimentares, produtos de limpeza, lavanderia e calçados.

Produtos veganos: diferença entre cosméticos veganos, orgânicos e naturais

Há alguns anos que assistimos a uma verdadeira sensibilização coletiva dos consumidores de todo o mundo.

Esses novos hábitos de consumo vão na direção de um estilo de vida mais consciente. Mais e mais pessoas querem ter uma alimentação saudável e aplicar produtos que respeitem a pele, mas também o ambiente. 

Para isso, produtos naturais, orgânicos e veganos florescem no mercado e nem sempre as diferenças de cada um são compreendidas pelo público geral. 

Para fazer a melhor escolha para você e para o planeta, veja as diferenças entre essas três denominações.

O que são cosméticos naturais?

Em geral, um cosmético natural é aquele cujos ingredientes e princípios ativos são, em sua maioria (95%), de origem natural e não contém parabenos, petrolatos, silicones ou outras substâncias sintéticas agressivas.

Portanto, um produto cosmético denominado “natural” pode conter extratos vegetais ou minerais ou ser produzido a partir de substâncias animais, como o mel e o leite. 

O que são cosméticos orgânicos?

Os cosméticos orgânicos são aqueles cujos ingredientes naturais provêm de agricultura orgânica certificada, que é um tipo de produção que exclui o uso de produtos sintéticos e de organismos geneticamente modificados.

Para tanto, é utilizada a fertilidade natural do solo com intervenções limitadas, promovendo a biodervisidade de espécies nativas de vegetais e animais. Dessa forma, satisfazem as necessidades dos consumidores atentos aos problemas ambientais e de saúde.

Um produto cosmético orgânico deve incorporar 95% de insumos orgânicos e até 5% de ingredientes seguros, como água e produtos naturais a sua matéria-prima. Portanto, os produtos com o selo orgânico sempre devem informar o percentual de ingredientes de origem natural e orgânica.

O que são cosméticos veganos?

Por sua vez, os cosméticos veganos são aqueles para os quais nenhum tipo de substância de origem animal foi utilizado.

Logo, os cosméticos veganos devem consistir exclusivamente em matérias-primas de origem vegetal e, portanto, ingredientes de origem animal como mel, cera ou leite são vedados. 

Em todo caso, existem certificações verdes que atestam se um cosmético é natural, orgânico, vegano e/ou cruelty-free.

 O que são cosméticos cruelty-free?

O logotipo ‘Cruelty free‘ deve aparecer nos produtos para certificar que não houve testes em animais. Por outro lado, vale lembrar que o conceito de “cruelty free” significa que o produto não foi testado em animais, mas ainda pode conter substâncias de origem animal.

Isso significa que se você quer passar longe dos produtos de origem animal, precisa ficar atento se há também o selo vegano no rótulo.

Agora que você já sabe qual a diferença entre cosméticos vegans, orgânicos, natural e cruelty-free, mas está em dúvida sobre qual tipo é ideal para você, continue lendo!

Cosmético vegano, orgânico ou natural: qual escolher?

Antes de tudo, se você deseja adquirir cosméticos eco-friendly, você precisa ler atentamente os rótulos de seus produtos favoritos para detectar quaisquer vestígios de matérias-primas controversas, como o parabeno.

O cosmético deve ser rotulado como “sem parabenos”. Preste atenção nas menções “de origem natural”, “orgânica” ou “vegana”.

De forma alguma isso significa que o produto é completamente livre de químicas: ele pode ter sofrido transformações, sim. Porém, são produtos muito menos agressivos que os convencionais.

A escolha de qual tipo de cosmético você quer adquirir vai depender de quais são seus valores também. Por exemplo, se você é contra a exploração de animais, o ideal para você é optar pelos cosméticos veganos, pois já vimos que os naturais podem utilizar produtos de origem animal.

Além disso, é aconselhável confiar em marcas transparentes sobre a composição e a forma de fabricação de seus produtos.

Por isso, além de saber qual a diferença entre cosmético vegano, orgânico e natural, a decisão de consumo dependerá principalmente do seu nível de compromisso, das suas necessidades e crenças pessoais.

No entanto, tome cuidado para evitar a compra de produtos que contenham desreguladores endócrinos, como sais de alumínio, parabenos, triclosan, alquilfenóis, corantes e fragrâncias sintéticas, silicones e produtos da indústria petroquímica. 

Leia atentamente os rótulos dos seus produtos de beleza e fique alerta.

Cosméticos ecologicamente responsáveis

Além das peculiaridades dos próprios ingredientes utilizados na produção de cosméticos, para ser ecologicamente responsável a embalagem e o recipiente devem ser biodegradáveis. 

Até mesmo as palavras contidas no rótulo podem ser escritas com tinta ecológica. 

Nesse sentido, esses cosméticos são produzidos de acordo com algumas regras: compromisso técnico, compromisso ético e compromisso mercadológico. 

Agora que você está por dentro sobre qual a diferença entre cosmético vegano, orgânico, natural e cruelty-free, já pensou em adquirir algum produto sustentável? Conte nos comentários 🙂

Aproveite e saiba um pouco mais sobre as diferenças entre vegano e vegetariano aqui.